487 - Festas da Cidade - Serpa 2011

Cortejo Histórico e Etnografico


A abrir o Cortejo com todo o seu alarido de tamóres a Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Serpa, homens e mulheres que prestam um serviço inestimável à população da Cidade.


SERPA TERRA FORTE
Para quê mais palavras?
Grupo de Gaitas de Foles se São Tiago de Cardielos - Viana do Castelo, Cidade de onde é oriundo o actual Presidente da Camara de Serpa, Engº João Rocha que durante 30 anos tem efectuado um trabalho notável de progresso e cultura da nossa Cidade.
O primeiro carro alegórico transporta um dos ex-libris da Cidade que melhor se verá na próxima fotografia
Aí está o torreão que desde 1707 se encontra, às portas do Castelo Velho, última destruição causada pelas tropas do Espanhol Duque de Ossuna, ao ser forçado a abandonar a Praça de Armas da cidade, que assaltou e ocupou durante a Guerra da Sucessão de Espanha, na qual Portugal esteve envolvido assim como outros países
Repare-se no pormenor deste quadro: O Duque de Ossuna faz-se acompanhar de um soldado que por sua vez puxa um canhão.


Abade Correia da Serra, tal como a estátua que se encontra frente ao Jardim Publico na Alameda que tem o seu nome.
O Abade Correia da Serra de seu nome completoJosé Francisco Correia da Serra, nasceu numa casa da Rua dos Fidalgos, mesmo à entrada da Praça da Republica. A sua vida marcada pela Inquisição já que seu pai era de origem judaica, levou-o por essa Europa e a estudar em Nápoles e Roma onde além de frequentar o ensino tomou ordens de presbitero e disse a sua primeira Missa.
Homem da cultura a sua grande paixão, foi a botânica na qual se tornou mestre universalmente respeitado. Mais tarde funda com o Duque de Lafões a Academia das Ciências de Lisboa para a qual redigiu os Estatutos. Ali exerceu primeiro as funções de vice-Secretário e depois as de Secretário. Mais tarde pertenceu à Real Sociedade de Londres depois para Paris sendo nomeado correspondente do Instituto de França dali viajou para os Estados unidos da América exercendo as funções de professor de Botânica na Universidade de Filadelfia. Regressa a Portugal e à Academia das Ciencias de Lisboa onde é novamente nemeado Secretário. Morre de diabetes em 11 de Setembro de 1823.
Damas do sec. XVIII.


Aqui uma representação do Duque de Lafões amigo e protector do Abade Correia da Serra com quem fundou a Academia das Ciências de Lisboa
No dia 8 de Junho de do ano de 1819 nasce na Rua da Capelinha, Luis de Almeida e Albuquerque. Licenciado em Leis aos 24 anos foi nomeado lente em Economia Politica, tendo regido durante 62 anos; Escreveu em vários jornais. Agraciado com o grau de Comendatore dell Ordine dei Santi Maurizio e Lazzaro, pelo Rei Victor Manuel II de Itália.
António Carlos Calixto, Subdelegado do procurador régio
Fundou a «Associação Serpense de Socorros Mutuos» o «Gremio Artístico Progressista» e o jornal «Estrela Artística» escreveu prosas e poemas e um livro para o ensino primário.
Geração de 70 «Vencidos da Vida» é o nome porque ficou conhecido formado por personalidades do mundo da cultura, nas últimas décadas do sec. XIX.O Grupo incluia, além de Francisco Manuel de Melo Breyner (3º Conde de Ficalho) Ramalho Ortigão, Oliveira Martins, Ribeiro da Costa, Guerra Junqueiro, Luis de Soveral, Lima Mayer, Lobo de Ávila, e António de Melo Silva Cesar. (9º Conde de Sabogosa) a que se juntou mais tarde em 1889 o escritar Eça de Queiróz.
Banda Fiármónica União Musical Amarelejense.
486 - Festas da Cidade - Serpa 2011

A Tradição


"A Tradição - Revista mensal d'ethnographia portugueza, ilustrada" que em Serpa se publicou no princípios do séc. XX. Ramalho Ortigão escreveria no seu primeiro número: (A TRADIÇÃO, de Serpa, pelo programma que se impoz e pela discreta diligencia com que a meu ver, o mais bello exemplo patriotico de educação publica exercida pela imprensa). Na mesma revista colaboraram entre outros, Alfredo Pratt, A. Rosa da Silva, Arronches Junqueiro, A. Thomáz Pires, Torres de Carvalho, Gonçalves Pereira, Jayme Affreixo, Miguel Paes, D. Maria Valleda, D. Nicolás Diaz y Perez, Pedro d'Azevedo, Paulo Osorio, Sousa Viterbo, Theophilo Braga e claro Ladislau Piçarra. Aqui estão representados os seus Directores Ladislau Piçarra e Manuel Dias Nunes, seguidos de dois tipógrafos.

4 comentários:

Manuel Seleiro disse...

Susete,
Obrigado pelo excelente trabalho de legendagem.
Fui transportado á 50 anos atraz...
Recordando todos esses pormenores que descreves-te muito bem.
Obrigada amiga,
um abraço Suset,
do
Manuel Cataluna,

TAE13 disse...

eu tambem sou de serpa foi bom a Susete ter tirado estas fotos porque que não pode ir, recorda anos passados obrigado A. PARELHO

Susete Evaristo disse...

Bom os vocos dois comentários deixam-me a grata sensação de um trabalho conseguido.
Obrigada aos dois e um abraço
Susete

Anónimo disse...

lQbugpyojbbdg [url=http://bit.ly/elancreditcard]elan credit card[/url] hodaElstadsyt